quarta-feira, 18 de maio de 2011

À Luz da Vela

Embora já tenha sido há muito tempo lembro-me bem da última noite em que jantámos à luz das velas…


Hoje, ao recordá-la, senti uma certa nostalgia...

Depois do que passámos... deixámos de o fazer por uma única e simples razão. De comum acordo decidimos que isso não voltaria a acontecer, pelo menos cá em casa.

Remédio santo, até hoje. Sempre que a luz falta dispara de imediato uma bateria de emergência. 

Já não passamos a noite à vela mas a chama não se apagou como até tem outro brilho. Não dá para ver daí?




5 comentários:

  1. Magia!
    Mas que bom ouvir uma linda música ao som das velas!
    Pura poesia!
    Bji, Rui!

    ResponderEliminar
  2. É preciso meter uma cunha à EDP ou voltas a fazer outro jantar à luz de velas?

    ResponderEliminar
  3. Belíssima, a música! Adoooooro os Shadows!

    ResponderEliminar