terça-feira, 27 de março de 2012

A Taça de Chá

(clique na imagem)

Óleo sobre Tela - A Taça de Chá
Rui Pascoal


"O luar desmaiava mais ainda uma máscara caída nas esteiras bordadas. E os bambus ao vento e os crisântemos nos jardins e as garças no tanque, gemiam com ele a adivinharem-lhe o fim. Em roda tombavam-se adormecidos os ídolos coloridos e os dragões alados. E a gueixa, porcelana transparente como a casca de um ovo da Íbis, enrodilhou-se num labirinto que nem os dragões dos deuses em dias de lágrimas. E os seus olhos rasgados, pérolas de Nanguim a desmaiar-se em água, confundiam-se cintilantes no luzidio das porcelanas.

Ele, num gesto último, fechou-lhe os lábios co'as pontas dos dedos, e disse a finar-se: — Chorar não é remédio; só te peço que não me atraiçoes enquanto o meu corpo for quente. Deixou a cabeça nas esteiras e ficou. E Ela, num grito de garça, ergueu alto os braços a pedir o Céu para Ele, e a saltitar foi pelos jardins a sacudir as mãos, que todos os que passavam olharam para Ela.

Pela manhã vinham os vizinhos em bicos dos pés espreitar por entre os bambus, e todos viram acocorada a gueixa abanando o morto com um leque de marfim.

A estampa do pires é igual."

(Almada Negreiros, in 'Frisos - Revista Orpheu nº1)


P.S.  Apresento as minhas desculpas ao Almada por este atrevimento. Pum!

49 comentários:

  1. Quanta delicadeza neste post !
    Os pormenores dos brincos, do quimono, as pequenas decorações do abajur, o chá fumegando...lindo!
    Não é atrevimento...sai enriquecido o texto do Almada.
    beijinho

    ResponderEliminar
  2. Sim, sim, até ia o conteúdo da chávenazinha, com o chazinho e servido pela bonita e malvínica gueixa. E eu que nunca tive o prazer de confraternizar com uma gueixa e com essa bonita vista atrás da janela......... Só em telas, só em sonhos, só, só, só....infelizmente!
    Belo quadro,parabéns! Ganda artista!

    ResponderEliminar
  3. Suponho que ele ia gostar do quadro do Rui :)

    Bjos

    ResponderEliminar
  4. Rui
    que me desculpe o Almada... mas só tive olhos pra pintura.
    Aqui ,voce que é o poeta/pintor -o artista -esqueci-me do texto rs nada se compara a delicadeza, os detalhes da louça do chá ,o azul forte que deixa essa gueixa assim tão esnobe rs
    Já expôs suas telas Rui? devem ser caras porque são lindas demais!
    vou querer o catálogo de preços rs
    Parabéns ,muitos parabéns e abraços

    ResponderEliminar
  5. Lembro-me de Almada no Zip-Zip e ouvi há dias esse extraordinário texto "A Cena do Ódio"

    Bom dia

    ResponderEliminar
  6. Sandra Subtil:
    Há quanto tempo não consultas um oftalmologista?
    :)

    ResponderEliminar
  7. Isa GT:
    Talvez sim… embora me incline mais para o não.
    :)

    ResponderEliminar
  8. Lis:
    A “minha mecenas”, além de ficar com toda a produção, não me dá tréguas...
    :)

    ResponderEliminar
  9. São:
    Na época do Zip Zip eu ainda era uma criança… como hoje.
    :)

    ResponderEliminar
  10. Rafeiro Perfumado:
    Só te posso dizer que não é do preto.
    :)

    ResponderEliminar
  11. Como te disse, concordo contigo, o ritual do chá também tem sensualidade. Assim como os movimentos ondulantes da tela que desenhaste. Nela eu vejo o movimento gracioso das flores quase a querer beijar a dama, a posição elegante das mãos dela numa calma espera, o serpentear do vapor do chá e elevar-se no ar... o cair do quimono sobre as curvas dos ombros... (só falta mesmo uma ligeira sugestão das curvas dos seios para completar o toque).


    Beijinhos com os olhos em bico :)

    ResponderEliminar
  12. MUITO BONITO! Tudo a condizer...os brincos, o anel,a fita do cabelo, o QUIMONO, a pintura do quadro(só não gosto do desenho da moldura), a chávena do chá e o bule... o "abat-jour"!!!....A postura elegantíssima da Gueixa...

    Tá tudo ao pormenor!!!...
    Os meus parabéns!
    helena

    ResponderEliminar
  13. Orquídea Selvagem:
    Não sou pintor nem psicanalista, mas deixa que te diga, essa libido…
    :)

    ResponderEliminar
  14. Helena:
    Olhe que a moldura não é de pinho… está entre o Pau-ferro e o Mogno.
    :)

    ResponderEliminar
  15. O Almada não se deve importar já que o seu interessante texto está lindamente acompanhado pelo teu quadro!
    Adoro estes azuis...

    Abraço

    ResponderEliminar
  16. Rui, a minha visão está óptima e recomenda-se.
    :))
    Não te substimes...
    Beijoca

    ResponderEliminar
  17. Mais uma vez, Parabéns, Caro Rui. Muito bem conseguida mais esta obra!

    ResponderEliminar
  18. RUI , desculpe a minha sinceridade; peço mesmo muita desculpa!
    Sinto-me tão envergonhada....:( mas, não é uma questão de "material" é por ser muito recortada....mas isto sou eu que tenho a mania da simplicidade... não faça caso!!!...
    Tou desculpada???... :(

    Abraço
    helena

    Abraço

    ResponderEliminar
  19. RUI:

    Também eu tenho posto "preto" nas molduras que tenho feito ultimamente nas colagens :( ... não tenho desculpa :( ...critiquei e faço o mesmo :(.....

    "mea culpa" "mea culpa"

    helena

    ResponderEliminar
  20. Rosa dos Ventos:
    Se bem entendi… estão "ambos" bem, menos o quadro.
    :)

    ResponderEliminar
  21. Sandra Subtil:
    Já eu não posso dizer o mesmo.
    Há anos que não vejo a minha equipa ganhar nada...
    :)

    ResponderEliminar
  22. Helena:
    Não me leve a sério... era eu quem teria de pedir desculpa.
    A vida às vezes já é tão triste que, se a pudermos levar a rir...
    :)

    ResponderEliminar
  23. Rui, o quadro é uma obra de arte muito bonita e expressiva.
    como foi o 1º homem que comentou no meu blog dediquei-lhe uma musica, se estiver curioso espreite e ouça. Vale a pena!
    :)

    ResponderEliminar
  24. Olá Rui!
    Mas que linda pintura! De acordo com o texto e logo de quem...
    E claro que uma taça é sempre bem vinda!
    Parabéns. As cores são fantásticas.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  25. Morra o Dantas! Morra! Pim!

    Viva o Pascoal! Viva a Taça! Viva o Chá! Perlim-pim-pim!

    Abraço,
    António

    As palavras que deixou são suaves como a imagem da Senhora do Chá! Obrigado!

    ResponderEliminar
  26. Dadinha:
    Até corei… (só não esclareço se foi pelo elogio, ou por ter sido o primeiro homem a comentar o seu blogue).
    :)

    ResponderEliminar
  27. Manuela Barroso:
    Não coloquei colher pois prescindo do açúcar, das suas palavras é que não.
    :)

    ResponderEliminar
  28. Mais uma bela obra.
    Está perfeita e para quem dizia que não tinha grande queda para a pintura...Onde estava escondido o
    talento do artista?
    Parabéns Pascoal!
    E aquele desafio? Pintar a paisagem com a cerca, pois claro!

    ResponderEliminar
  29. A. Tapadinhas:
    Enquanto pudermos... brindemos à Vida!
    :)

    ResponderEliminar
  30. Rui, como não sou de tretas: foi essencialmente por ser 1º a comentar.
    Em relaçao à musica, tem razão já fiz a adenda.
    :)

    ResponderEliminar
  31. Arnaldo:
    Não posso gastar já “todos os trunfos”... lá se ia a margem de progressão.
    :)

    ResponderEliminar
  32. Sim, até são giras estas conversinhas, mesmo sendo às vezes discordantes; eu acho!!!...

    helena

    ResponderEliminar
  33. Que lindo o quadro!!! PIM!
    Parabéns! Mesmo!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Simpatia sua. Sei que ele é fraquinho... mas é honesto.
      :)

      Eliminar
  34. MAS para quando a exposição????

    Penso que já são horas de mostrar as suas obras aos seus amigos e aos companheiros de BLOG!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rui Pascoal!!!!!
      Que espetáculo de chá!!!!
      Me convide mais vezes..Um abraço.

      Eliminar
    2. Fica combinado! Eu ofereço a bebida e a Elciana providencia os doces e salgados, ok?
      :)

      Eliminar
  35. Respostas
    1. Os parabéns são para a Any que hoje faz anos.
      :)
      Obrigado!

      Eliminar