domingo, 27 de maio de 2012

A Banda, Ao Vivo e a Cores



Sem regente para lhes apontar e corrigir as fífias, “estes artistas”, ao fim de três meses de ensaios, pouco afinados e a tocar cada um para seu lado, fazem o melhor que sabem, dão música...

Não gostam? Têm bom remédio. Tapem os ouvidos!  :)


video

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Cores Quentes e Frias...


Ainda há dois dias (no regresso a casa de uma curta escapadela ao Minho) passámos  por  Aveiro (fizemos um desvio à Costa Nova)  e não imaginávamos voltar lá tão cedo.



Mas a vida é mesmo assim, feita de chegadas e partidas de alegrias e tristezas de cores quentes e frias…


Mais do que uma velha amiga a Dª Dorinda era também uma mãe e uma avó, uma senhora serena em cuja companhia nos sentíamos tão bem. 


quarta-feira, 23 de maio de 2012

Um Menino de Verdade

Espelho da minha alma e bom conselheiro o meu quintal é, como o Grilo Falante da história do Pinóquio, um amigo mais velho bastante experiente e acima de tudo muito generoso. 




















Junto dele sinto-me sempre, aquele menino de verdade, bem protegido.













Imagino que se Gepeto me visse agora… não deixaria igualmente de sorrir.


terça-feira, 22 de maio de 2012

Para Baixo Todos Os Santos Ajudam...


Viana do Castelo está uma cidade encantadora (e, não fosse a situação dos estaleiros navais, poderia estar ainda muito melhor), o meu destaque vai para o Museu do Traje, situado na Praça da República no antigo edifício do Banco de Portugal, e para a moderníssima Biblioteca Municipal, projecto de Siza Vieira.


De regresso a Leiria a primeira paragem teve lugar na Póvoa do Varzim, 


depois em Vila do Conde,


e no Porto, onde almoçámos.



Há anos que não engraxava sapatos fora de casa, hoje, não sei porquê, deu-me para isso. "- Estou reformado com 200 euros mensais, 100 são para a renda da casa, tento fazer mais algum. Gasto 1,20 Eur em transportes, estou aqui desde as 10horas da manhã (eram cerca das 15h00) este é o meu segundo serviço." - Leva dois euros pelo trabalho e se a este valor acrescentarmos o custo da tinta graxa e o desgaste do material, o que é que sobra? "Para baixo todos os santos ajudam, para cima a coisa muda". As botas ficaram a brilhar, eu ainda me sinto baço... 


segunda-feira, 21 de maio de 2012

Bilhete Postal

Apesar do tempo meio cinzento este passeio por terras do Minho tem sido excelente. Não é minha intenção fazer-vos crescer água na boca por isso nem vos vou falar da gastronomia desta encantadora região.  



Resumindo  e  concluindo,  continuamos  na mesma, a  Any  com  a pedalada que se vê, eu, a pegar no toiro pelos cornos, i.e., a tentar não cair. 


Siga o bailarico!




domingo, 20 de maio de 2012

Portugal...

Nasceste aqui e cedo deste nas vistas...


Tinhas valor, brilhavas...


Olha no que te tornaste...


Não te deixes humilhar, levanta-te!


sexta-feira, 18 de maio de 2012

Estado


Sou como o gelo, semitransparente frio e duro, derreto-me com o calor...

terça-feira, 15 de maio de 2012

O Lobo e o Cordeiro


Estátua "O Pastor Peregrino" (Representando o poeta Rodrigues Lobo)

Uma simples imagem pode ser vista de várias maneiras e ter interpretações diversas, é tudo uma questão de perspectiva, proximidade ou afastamento, maior ou menor abertura do ângulo. Nos tempos que correm se em vez de recto for raso é melhor mas se possível opte por ser obtuso, isto se não puder ser giro. Lembram-se das linhas paralelas que seguiam lado a lado sem nunca se tocarem? A Vida é, como a Geometria, feita de linhas superfícies e volumes. Umas vezes é linda, outras... simplesmente apaixonante.

Não consta que este pequeno cordeiro tenha sido sacrificado e muito menos, a avaliar pelo que se passa à nossa volta, tirado os pecados do mundo.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Mãe, Avó, Bisavó...


Carregas nesse corpo agora frágil todo o peso de uma Vida e embora a coluna já se dobre manténs, a verticalidade do fio-de-prumo, um brilho no olhar e um sorriso lindo de menina.